Impermeabilizar sofá de suede não é difícil. Muitos profissionais evitam esse tipo de tecido com receio de que a proteção não fique adequada ou que o tecido manche. O grande problema é que o tecido de suede e os tecidos camurça são os tecidos mais vendidos para utilização em sofás e poltronas no Brasil.

Qual o motivo do medo de impermeabilizar suede?

Uma característica comum aos tecidos de suede e camurça é a penugem que fica sobre a superfície. Esses micro pelos podem ser orientados de um lado para outro, de cima para baixo, e muitas vezes essa mudança muda levemente a coloração. Em virtude disto estes tecidos precisam de um cuidado adicional para ter uma impermeabilização perfeita. O cuidado consiste justamente em fazer o impermeabilizante tocar em todos os lados dessa penugem, que por vezes está deitada e não recebe o contato do produto. Aí a impermeabilização fica mal feita e a dor de cabeça começa.

Outro ponto extremamente sensível é a coloração dos tecidos suede. A grande maioria é super sensível a solventes derivados de petróleo, normalmente usados em impermeabilizantes a base de solvente. Isso ocasiona um desgaste da tinta e consequentemente um dano irreversível ao sofá. Quando isso acontece, só trocando o tecido para corrigir.

Como devo proteger tecido suede?

Para responder essa pergunta, vamos ao princípio mais básico de um processo de impermeabilização: jogar produto suficiente para garantir a proteção. O tecido suede não tem grande absorção de líquidos. Por isso você pode fazer de 2 a 3 aplicações, cada uma em uma orientação. Como o tecido não vai absorver totalmente o impermeabilizante você notará que parte dele ficará na superfície, dando a impressão que há alguma barreira que não deixa o produto penetrar.

Não se preocupe, isso é ótimo. Após aplicação utilize um rodo manual, parecido com aqueles rodos que usamos em pias, de preferência com silicone. Espalhe o produto de modo orientado “penteando” as cerdas do sofá de cima pra baixo, da esquerda para a direita. Faça isso até ter total uniformidade. Desta forma você garante que todas as faces dessas cerdas serão tocadas pelo impermeabilizante. A consequência é uma proteção perfeita após o tempo de secagem do produto.

Quais os produtos mais recomendados para uso em tecido suede?

Já explicamos acima o quão sensível é o suede, camurça e veludo em relação a sua coloração em contato com solventes. Além disto, impermeabilizantes a base de solvente tem secagem muito rápida não permitindo o uso da técnica do rodo. Isso pode ser fatal durante a impermeabilização do tecido suede.

Para proteção de suede, camurça, veludo a recomendação é utilização de produtos impermeabilizante com base água ou base nanotecnologia. São produtos que não vão reagir com o pigmento de tinta do tecido e vão permitir o uso adequado da técnica correta. Abaixo recomendamos 2 produtos disponíveis no mercado brasileiro:

  • ECOTEXTIL – baseado em nanopartículas de SiO2, Ecotextil é o produto mais forte, puro e seguro do mercado. Totalmente sem cheiro, sem cor, não tóxico. Pode ser aplicado por qualquer pessoa. Como todo produto a base de SiO2 em nano escala, quando colocado ao lado de um copo de água é impossível determinar qual copo é do produto e qual é de água. É o único produto com esta tecnologia no Brasil. Preços variam de R$ 42 a R$ 449 dependendo da quantidade. Você pode comprar aqui.
  • PRO IMPER – produto a base de água com tecnologia de polímeros de silício alemães. Extremamente concentrado, cheio leve, coloração levemente turva. Fácil aplicação, secagem em 24 horas. Preços variam entre R$ 160,00 a R$ 180,00. Você pode comprar aqui.

Para entender melhor a aplicação em tecido suede, curta abaixo o primeiro vídeo da série “vídeo aula de impermeabilização”, inclusive com proteções em outras categorias de suede como animale, amassado, brilho.